Cirurgia Plástica Reparadora – Ruptura de Prótese Mamária

Claro que comigo nada é facil e 4 anos após fazer minhas primeiras cirurgias plásticas reparadoras de braços e mamas (com prótese de silicone) e passar por algumas intercorrências como seromadeiscência de ferida operatória, além do risco da rejeição da prótese de silicone, passei a fazer acompanhamento médico regular com a cirurgiã plástica que me operou e 6 meses após as primeiras intercorrências observei uma diferença de posição na mama direita ao me deitar e após uma ressonância magnética das mamas (bilateral) constatou-se que o implante mamário direito apresentava sinais de rotação e passei por um novo procedimento para o reposicionamento da prótese na mama direita e “drenagem” do seroma além da correção da cicatriz da mama esquerda

Como nesse novo procedimento apresentei seroma novamente continuei a fazer acompanhamento com a cirurgiã plástica semestralmente para drenagem com seringa do líquido acumulado (seroma), faço também exame de imagem como ressonância e ultrassom de mamas…

A pedido do ginecologista que me acompanhava já há alguns anos fiz no ano passado uma mamografia (que não apresentou alteração) e também ultrassonografia das mamas que mostrou que prótese do lado direito estava rotacionada e observava-se também líquido… após levar os exames a Dra. Larissa, optamos por somente acompanhar a evolução do caso já que a rotação da prótese não estava me incomodando (esteticamente e nem clinicamente)…

Só que no início desse ano mudei de ginecologista (que também é mastologista) e a Dra. Calina me solicitou novos exames (mas descartou a mamografia)…

Já no dia que fiz a ultrassonografia das mamas o Dr. Humberto me disse que a prótese da mama direita havia se rompido e o laudo descreveu exatamente isso…

Retornei a médica que solicitou o exame e ela me orientou a procurar a cirurgiã plástica já que nesses casos o mais indicado é a cirurgia para a substituição da prótese que está rompida/vazando…

Assim que retornei ao consultório da Dra. Larissa apresentei o resultado do exame e conversamos bastante… a única hipótese para isso ter acontecido com minha prótese foi a compressão durante a mamografia que fiz em 2017 já que não existe outra razão, pois não sofri nenhuma lesão ou traumatismos no tórax…

Já saí do consultório médico com a guia de solicitação de internação/solicitação de prótese, mas antes de dar entrada com o pedido na Unimed Juiz de Fora precisei localizar em casa a caixa do implante utilizado na cirurgia de 2013…

Com a informação do volume da prótese em mãos (prótese mamária silimed maximum 280 cm³), Dra. Larissa me autorizou a entregar a guia na Unimed… foi solicitado uma perícia médica para o início de maio…

Após passar pela perícia com a médica da Unimed Juiz de Fora tive o procedimento autorizado sem contratempos (agora estou aguardando a perícia e o posicionamento do plano de saúde para saber quais serão meus próximos passos daqui para frente)

Estou plenamente confiante e segura da posição da minha médica em refazer o procedimento, mas não deixei de pesquisar informações na internet… o que achei mais pertinente postarei abaixo…

Ruptura dos Implantes Mamários: causas e sintomas

A ruptura dos implantes mamários é algo que não acontece com frequência, na maioria dos casos pode ser causada por acidentes onde existe um forte traumatismo no tórax, mas existem outras razões:

  • Contratura capsular grave.
  • Desgaste do implante.
  • Empilhamento dos implantes.
  • Excesso de compressão durante a mamografia.
  • Lesões que ocorreram por causa de instrumentos cirúrgicos.
  • Traumatismos na mama ou forte pressão física.
  • Uma manipulação excessiva durante a cirurgia.

Os implantes mamários de solução salina que se rompem desinflam com muita rapidez, em apenas um ou dois dias, a solução salina penetra no corpo e é absorvida sem causar problemas de saúde.

No caso de que o implante seja de gel de silicone, este ao se romper permanece na sua totalidade dentro da cápsula e ao redor do implante, apenas em casos muito graves, é que o encapsulamento que o corpo mesmo formou em torno da prótese se rompe e o conteúdo entre em contato com a mama. Mas atualmente, graças ao fato de foram desenvolvidos os implantes de gel coesivo, a passagem do conteúdo da prótese para a mama não é absolutamente frequente.

Cabe destacar que quando se rompe um implante mamário de silicone pode não ser perceptível, porque o gel é tão espesso que pode se manter dentro do mesmo, ainda mesmo depois que se rompeu ou se infiltrar lentamente na mama. 

Os vazamentos de implantes de silicone são classificados em três categorias:

  • Extracapsular: quando o gel vaza para o tecido mamário no exterior da cápsula.
  • Intracapsular: o gel permanece no interior da cápsula em torno do implante.
  • Migratório: quando o gel de silicone chega a outras áreas do corpo.

Quando se rompe uma prótese mamária se experimentam os seguintes sintomas:

  • Assimetria.
  • Deformidade no contorno da mama.
  • Diminuição do tamanho da mama.
  • Dor.
  • Nódulos na mama.

Muitas vezes, o exame clínico não é suficiente para detectar a ruptura do implante, para isso no caso de suspeitar que ocorreu uma saída do mesmo da prótese se utiliza a mamografia, ultrassonografia, tomografia axial computadorizada ou ressonância magnética nuclear. Sempre que você suspeitar de uma ruptura do implante é preciso contatar o cirurgião plástico para que faça a substituição imediatamente. As intervenções nestes casos são simples e são feitas com anestesia local em um curto espaço de tempo.

O que acontece se rompem os implantes de silicone?

Você sabia que todos os implantes mamários acabam se rompendo com o tempo? A duração de um implante da mama pode variar. Alguns podem se romper durante os primeiros meses, mas o mais frequentemente é que durem anos. Quanto mais velho for o implante, mais probabilidade existe de se romper.

Nem sempre é óbvio quando um implante de silicone se rompeu. A maioria das mulheres não apresentam sinais nem sintomas quando um implante de silicone se rompeu, mas às vezes algumas mulheres podem experimentar:

  • Amolecimento ou endurecimento da mama.
  • Ardor, dor, formigamento, inchaço, dormência ou vermelhidão da mama afetada.
  • Mudança no tamanho ou forma da mama.
  • Protuberâncias ou nódulos duros em torno do implante ou na axila.

A ressonância magnética é a técnica de escolha para a detecção de ruptura ou vazamento de implantes mamários de silicone.

Se os implantes mamários de silicone rompem, quais são as possíveis complicações?

Um implante de silicone rompido pode passar despercebido durante muitos anos. Quando há suspeita de que um implante de silicone poderia ter se rompido, é necessário consultar um médico para que possa descartar ou confirmar a ruptura com uma ressonância magnética. 

Se a ruptura ou vazamento é confirmado, é importante que os implantes de silicone sejam removidos o mais rápido possível. Quanto mais tempo estiver esse silicone no corpo, fora do implante, mais tempo tem para migrar para outras partes do seu corpo, como os gânglios linfáticos.

O implante rompido pode ser substituído por um novo ou simplesmente ser retirado. Os implantes mamários não estão garantidos para durar por toda vida.

É recomendável realizar revisões com certa frequência para detectar rupturas silenciosas nos implantes mamários de silicone. As revisões devem começar três anos após o implante e devem ser repetidas de dois em dois anos.

*As imagens do laudo, ultrassonografia e implante mamário retirei do meu arquivo pessoal.
*As informações sobre a “Ruptura dos Implantes Mamários” retirei do site https://www.saudedicas.com.br/beleza-e-estetica/cirurgia-plastica/ruptura-dos-implantes-mamarios-causas-e-sintomas-1039150 através de pesquisa na internet.
*As informações sobre “O Que Acontece se Rompem os Implantes de Silicone?” retirei do site https://www.saudedicas.com.br/beleza-e-estetica/cirurgia-plastica/o-que-acontece-se-rompem-os-implantes-de-silicone-1249270 através de pesquisa na internet.

Sobre maryalcantaras

Sou uma pessoa calma e bastante tímida. Não costumo sair muito e por isso vivo na internet. Sou bem eclética em questões referentes a preferências... adoro ler, ouvir música, dançar e tomar umas biritas de vez em quando... mas o que eu adoro mesmo é DORMIR e BEIJAR!!! Meu hobbie é DORMIR. Me interesso por coisas variadas, gosto tanto de coisas simples quanto de coisas rebuscadas. "O Amor conquista-se com Amor e não impondo regras." (A.D.) E talvez tenha de praticar um pouco mais a minha tolerância...
Esse post foi publicado em Beleza, Cirurgia Plástica Reparadora, Gastroplastia, Saúde e Bem-Estar e marcado , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , . Guardar link permanente.

2 respostas para Cirurgia Plástica Reparadora – Ruptura de Prótese Mamária

  1. Elisangela disse:

    Boa noite, vc conseguiu fazer a cirurgia pelo plano de saúde?

    Curtir

    • Oi Elisangela!

      Vi seu comentário no blog…

      Fico grata pela sua visita e comentário…

      É sempre bom saber que minhas experiências, sejam bons ou ruins tem auxiliado outras pessoas que também passam por intercorrências e ainda enfrentam a negativa do plano de saúde para realizar as cirurgias plásticas reparadoras…

      Infelizmente, esse foi meu caso, quando, há 4 anos tive a negativa do plano de saúde à solicitação das cirurgias plásticas reparadoras pós-bariátrica (no meu caso, correção de hipertrofia braquial, correção da hipertrofia mamária unilateral com colocação de prótese e correção das queloides na cicatriz da cirurgia bariátrica), alegando se tratar de intervenção com finalidade estética e que não há previsão no rol de procedimentos obrigatórios estipulado pela Agência Nacional de Saúde Suplementar – ANS…

      Nessa época, foi necessário recorrer a justiça e optei pela assessoria jurídica da Defensoria Pública de Minas Gerais (DPMG)…

      A causa foi favorável à mim e o plano de saúde recorreu da decisão judicial, mas fiz o procedimento em 2013…

      Depois disso passei a fazer acompanhamento médico regular e no início desses ano descobri que a prótese de silicone da mama direita estava rompida, após uma mamografia de rotina e foi necessário fazer novo procedimento para a substituição da mesma…

      Felizmente, nessa nova solicitação de procedimento para substituição da prótese mamária rompida, não tive nenhuma intercorrência com o plano, que após perícia médica, liberou a solicitação de internação/prótese sem nenhuma resistência…

      Caso queira conversar mais a respeito, procure-me nas redes sociais – Mariana Alcântara.

      Torço para que a melhor opção chegue a você!

      Saúde, sempre…

      Att,

      Mariana Alcântara

      P.S.: Volte sempre ao meu blog e não deixe de comentar as postagens…

      Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.