A Excêntrica Família de Antonia

Assiti este filme duas vezes na faculdade de Serviço Social e recomendo…
 
A excêntrica família de Antonia
CAA

 

Sinopse

Numa pequena fazenda do interior da Holanda, Antonia passa seu último dia de vida.  Deitada em uma cama, recorda o dia em que, logo após o término da 2ª Guerra Mundial, voltou ao vilarejo de sua infância, acompanhada de sua filha adolescente, Danielle.

Em flashbacks, o filme recua até aquele dia quando, tendo herdado a pequena fazenda, ela decide recomeçar sua vida, juntamente com a filha.  Ela encontra velhos amigos e, com sua autoridade e generosidade, dá abrigo a uma jovem retardada que fora estuprada pelo irmão.

Quando um fazendeiro viúvo, Bas, lhe propõe que seja a nova mãe de seus cinco filhos, ela não aceita a proposta, mas os dois se tornam grandes amigos por muitos anos, até que ela decide tornar-se sua amante, não sua esposa.

Danielle pretende ser uma pintora.  Anos mais tarde, quando decide ter um filho, mantendo-se solteira, ela e Antonia vão à cidade em busca de um homem que possa ser o pai da criança.  Elas o encontram na pessoa do irmão da amiga Letta.

Thérèse, filha de Danielle, demonstra ser uma criança especial, um prodígio em matemática.  Para atender às necessidades específicas de educação de sua filha, Danielle recorre aos conhecimentos de Kromme Vinger, um filósofo recluso, e de Lara, uma professora por quem ela imediatamente se apaixona.  Lara passa, então, a viver também na fazenda.

Quando o irmão de Deedee estupra Thérèse, Antonia toma uma posição corajosa contra ele.  Embora fique furiosa com a situação, não se deixa levar por seus sentimentos de violência.  Anos mais tarde, Thérèse casa-se e tem uma filha, Sarah.

À medida que o tempo passa, Antonia continua adicionando novos membros à sua extensa família, incluindo um padre que deixou o hábito e a amiga Letta.  Assim, ao chegar a hora de sua morte, ela está rodeada por sua família e amigos.  Sua morte se dá com dignidade, serenidade e beleza.

Críticas

"A Excêntrica Família de Antonia" é um ótimo filme que fala do alto valor da amizade, da independência, da intuição e da solidariedade.  Realizado pela cineasta holandesa, Marleen Gorris, que também assina o roteiro, apresenta momentos de violência e desespero, mas também outros de grande beleza.

A direção de Marleen Gorris é consistentemente boa.  A produção é esmerada, com locações cuidadosamente escolhidas e muito bem captadas pela fotografia de Willy Stassen.

No elenco, o grande destaque é a cativante atuação de Willeke van Ammelrooy, no papel-título.  A ela, somam-se às de Els Dottermans e Veerle van Overloop.

CAA

 

Como não poderia deixar de ser, este filme europeu, co-produzido pela Holanda, Bélgica e Inglaterra, tem uma história triste, num drama completo, empolgante e premiado.

Ganhou o Oscar de melhor filme estrangeiro, dentre outros do cinema mundial.

Antonia é uma mulher que depois da morte da mãe, volta para a fazenda que herda e resolve criar sua filha e tocar a vida ali mesmo.

Com personagens bizarros e empolgantes, que conquista o espectador e faz de qualquer história melhor e mais atraente. Mesmo tendo um sociopata, uma mulher lobisomem, um padre tarado, um estuprador e mais os moradores do vilarejo, não se torna uma estória forçada, para se tornar um filme clássico ou cult, tudo soa naturalmente o que faz com que “A Excêntrica família de Antonia” um filme genial.

A filha de Antônia vai a cidade com a mãe, apenas para transar, engravidar e ter um filho, nasce a filha de Danielle que é uma menina prodígio que com poucos anos já faz contas de matemática muito avançadas para a idade e logo filosofa sobre Schopenhauer com um amigo da família, aos vinte anos já é professora universitária, tem uma filha que vira escritora, que conta em Off a história deste filme.

A morte e a vida, são temas freqüentes no filme que a todo momento discute o sentido da vida e porque se deve viver e aproveitar, ou como a vida pode ser cruel e terrível para as pessoas, cabe a cada um decidir o que é melhor para a sua vida.

Tem a vingança e a justiça, a morte natural, o suicídio, a morte acidental grave e acidentes bestas, na falta morte no filme, mesmo assim não é um filme pesado, a morte é transformada em lirismo, com a arte deste filme.

Com certeza este filme foi um grande merecedor do Oscar e de todos os outros prêmios que recebeu, conta uma estória incrível que agrada a todos os amantes do cinema, assista a este filme e se sinta feliz por poder assistir esta ótima obra do cinema mundial.


As imagens ilustrativas deste post retirei do blogspot MENTE INSANA cineblog através de pesquisa na internet.

As informações sobre o filme A Excêntrica Família de Antonia e a crítica ao filme retirei do site http://www.65anosdecinema.pro.br/A_excentrica_familia_de_Antonia.htm através de pesquisa na internet.

Sobre maryalcantaras

Sou uma pessoa calma e bastante tímida. Não costumo sair muito e por isso vivo na internet. Sou bem eclética em questões referentes a preferências... adoro ler, ouvir música, dançar e tomar umas biritas de vez em quando... mas o que eu adoro mesmo é DORMIR e BEIJAR!!! Meu hobbie é DORMIR. Me interesso por coisas variadas, gosto tanto de coisas simples quanto de coisas rebuscadas. "O Amor conquista-se com Amor e não impondo regras." (A.D.) E talvez tenha de praticar um pouco mais a minha tolerância...
Esse post foi publicado em Cinefilia/Cinéfilo e marcado , . Guardar link permanente.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s